Dicson e Raquel: um fim de semana cuidando do Oikos

CUIDANDO DO OIKOS
Neste fim de semana tivemos a grata incumbência de cuidar do Oikos, este espaço de luz e imantado de amor e compaixão por todos os seres. A experiência foi magnífica. Até então não tínhamos consciência da grandiosidade do lugar. Apesar de frequentarmos com alguma periodicidade o Lar de Encontros e o Lar de Alimentação, o lugar vai muito além disto.

Conhecer a profundidade das trilhas, o Lar na Árvore, o Lar de Meditação, enfim, nos deixou emocionados. A estada no lugar foi uma verdadeira celebração. Sentimo-nos acolhidos e abraçados por algo intangível, muito maior do que nossas breves percepções físicas podem interpretar.
O ar puro, o silêncio ensurdecedor das trilhas e dos Lares diversos incentivam o olhar para o nosso interior, incentivam a demonstração de gratidão por tudo que a Mãe Terra nos oferece. Não precisamos de mais nada. Tudo está à nossa disposição.

Brigamos por tão pouco, lutamos por coisas que vêm e vão e esquecemos de agradecer a esse Universo que tudo nos dá, em abundância, e nos acolhe no estado em que estejamos, sem julgamentos, críticas ou condicionamentos. O Oikos nos mostrou isso.

Além disto, o zelo e a perfeição de cada espaço, minuciosamente planejado e cuidado, demonstram o amor que envolve o lugar. O Mhanoel e a Dê cuidam de um pedaço do Paraíso, com muitos méritos. Sentimo-nos agradecidos a estas pessoas por idealizarem e construírem este grandioso espaço, que está à disposição de todos.

Eterna gratidão, amigos, e que muitos seres possam continuar se beneficiando.
Contem conosco para o que precisarem. Mãos juntas em gratidão.

Dicson e Raquel
_______________

PS. Dicson e Raquel ficaram cuidando do Oikos para que a família cuidadora do espaço pudesse viajar para participar do retiro com o lama Padma Samten, no CEBB Mendjilá, em Canelinha.

Deixe uma resposta